CEETO EM DESTAQUE

Com atividades virtuais e presenciais, membros do Ceeto enxergam 2021 como um ano produtivo e projetam 2022 com maior volume de ações

Mesmo com pandemia, Conselho seguiu levando informações importantes para consumidores

30/12/2021 às 15:57

Com atividades virtuais e presenciais, membros do Ceeto enxergam 2021 como um ano produtivo e projetam 2022 com maior volume de ações

O ano de 2021 ficou marcado pela vacinação contra a Covid-19, mesmo assim a situação ainda é preocupante, pois a pandemia não acabou e a normalidade ainda não voltou. Sabendo das dificuldades enfrentadas por muitas famílias tocantinenses em virtude da economia afetada pela doença, o Conselho de Consumidores de Energia Elétrica do Tocantins (Ceeto) buscou durante o ano realizar ações, campanhas educativas nas redes sociais, visitas e pesquisas nos municípios, e treinamentos para seguir defendendo adequadamente os interesses dos consumidores.

Neste ano, o Conselho acompanhou inúmeras demandas dos consumidores em relação à energia elétrica mesmo com a pandemia. Com um setor de comunicação organizado, o órgão tem atuado nas redes sociais e com campanhas educativas sobre direitos dos consumidores, consumo consciente, prevenção de acidentes com a rede elétrica, tarifa social, entre outros temas importantes.

Entre as ações de 2021, ao lado da Energisa Tocantins, o Ceeto realizou o “Treinamento sobre Formação do Preço da Tarifa de Energia Elétrica”. O evento online teve objetivo de levar informações importantes e esclarecer sobre como é elaborada a tarifa da conta de luz.

Com visitas às agências, o Ceeto também realizou a “Semana do Cliente” em várias cidades para ouvir a opinião dos consumidores sobre a qualidade dos serviços prestados pela distribuidora de energia, orientá-los sobre seus direitos e deveres, dar dicas de economia, mapear as principais demandas do público que procura as agências de atendimento da Energisa Tocantins, e apresentar o funcionamento e atribuições do Conselho. O Ceeto ainda visitou agências da Energisa no sudeste do Tocantins e fez pesquisa sobre atendimento e fornecimento de energia.

Outra iniciativa importante foi o envio de um ofício solicitando ao Governo do Tocantins a isenção do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que incide sobre os valores adicionais e excepcionais referentes ao acionamento das Bandeiras Tarifárias – mecanismo que sinaliza se o consumidor cativo terá ou não acréscimo no valor da energia por conta das condições de geração de eletricidade.

Com uma agenda voltada para a troca de experiências e conhecimentos, integrantes do Ceeto participaram, em Manaus (AM), do XXII Encontro Regional de Conselhos Municipais de Conselhos de Energia Elétrica da Região Norte. O evento, que teve como tema principal “Região Norte: grande produtora/exportadora de energia elétrica”, contou com a participação de representantes dos estados do Amapá, Amazonas, Acre, Pará, Tocantins, Rondônia e Roraima.

Avaliação positiva

O Ceeto é uma entidade da sociedade civil organizada e formada por representantes de instituições das classes consumidoras que atuam de forma voluntária, sendo a ponte entre consumidores e a Energisa, responsável pela distribuição de energia no território tocantinense.  Atualmente 11 conselheiros fazem parte do Ceeto.

Rudnei Fonseca é o atual presidente e representa a classe residencial. Segundo ele, apesar da maior parte do trabalho de 2021 ocorrer de forma virtual, o Conselho teve um ano de muito conhecimento e sem deixar o consumidor desassistido.

“O ano de 2021 foi produtivo e de grande conhecimento para nós. Fizemos muitas reuniões virtuais e no segundo semestre tivemos atividades com a sociedade, com visitas a quase 40 municípios nas regiões Sul e Sudeste. Nessas visitas, a gente consegue verificar o atendimento que a  Energisa tem prestado, como que está o trabalho com a sociedade, como que está chegando o fornecimento de energia nas residência, no comércio, na área rural de forma geral. Então, a gente avalia o trabalho como produtivo.”, pontuou o presidente, que também destacou que o Ceeto fez vários encaminhamentos à Energisa.

Sobre 2022, Rudnei Fonseca espera que o Ceeto retorne com alguns projetos e agradeceu ao trabalho dos conselheiros. “Esperamos realizar os nossos projetos que estão programados para o próximo ano nas escolas e nas comunidades, e trabalhar com a presença do público. Esperamos que dê tudo certo. Fica aqui meu agradecimento a todos os participantes do Conselho.” finalizou.

Fortalecimento da comunicação

Representante da classe comercial, o vice-presidente Antônio Davi Gouveia destacou que as ações de comunicação desenvolvidas pelo Ceeto, em 2021, tiveram um papel importante para orientar os consumidores.

“Em 2021, com reuniões presenciais e virtuais, acredito que não deixamos nada a desejar. Nós produzimos bastante com um trabalho fundamental com as mídias e redes sociais. Espero que 2022 seja de muitas realizações e que possamos voltar com todas as nossas reuniões presenciais, encontro dos conselhos da região norte e reuniões que fazemos a nível nacional e regional. Acredito que será um ano bastante enriquecedor e voltaremos às nossas ações tradicionais, aquelas que nós fazíamos junto das escolas com os palhaços. Acredito muito que com esse presencial iremos evoluir bastante.”, destacou.

Conselho realiza pesquisa em agências da Energisa

Trabalho árduo

A conselheira Marta Barreira Lustosa, que representa o poder público, destacou o trabalho do Ceeto nos últimos anos. “Uma atividade voluntária, sem qualquer tipo de remuneração, porém de uma responsabilidade imensa com o consumidor tocantinense. Trabalho árduo que fazemos sempre com muita honra para que junto ao consumidor possamos facilitar o conhecimento bem como estreitar o relacionamento com a concessionária para melhor esclarecimento dos deveres e direitos de ambas as partes. Apesar do cenário pandêmico o trabalho para do Conselho teve continuidade.”, pontuou.


Composição

O Conselho de Consumidores de Energia Elétrica do Tocantins também é composto por Mário de Castro Pillar (Fieto), representante da classe industrial; Walter Viana, representante do Procon-TO; Aldenir Ribeiro Cunha, conselheiro suplente e representante da classe residencial; Dayana Aires Monteiro Cantuária, conselheira suplente e representante do poder público; Francisco Carlos Brito de Rezende, conselheiro suplente e representante do Procon-TO; Luciano de Carvalho Rocha (Fieto), conselheiro suplente e representante da classe industrial; Rosilene Nunes de Sousa Rodrigues, secretária-executiva e representante da Energisa Tocantins, e Adriane Cerqueira Rodrigues, secretária-executiva suplente e representante da Energisa Tocantins.


Créditos do Texto: Ascom Ceeto
Créditos da Imagem: Ascom Ceeto